October 02, 2007

October Fest

Outubro é um mês feio. Nasce num aniversário fúnubre. Tem vida num nome cinzento, palavra obtusa, enrolada em si própria. Continua no tempo: vento e chuva iniciam a sua relação amorosa, acariciando-se ou ferindo-se, conforme a disposição de quem os observa, amantes ignorantes de tudo o resto. Corta de vez com o Verão assim de repente, sem pedir licença, sem limpar os pés.
Acaba numa despedida electrónica, num corte umbilical, numa amputação de meia alma, ou mais de meia alma, de toda a alegria que se conheceu e em mais ninguém se encontrou, em mais ninguém se saciou.

Outubro é feio. E longo. E cinzento.

6 comments:

Silver said...

e chato. Anseio por alguns dias de luz para entrar no Novembro a desejar o mesmo. Até Abril... :) bjiiinhes

LoveStoned said...
This comment has been removed by the author.
Mia said...

Novembro já é outra coisa... Gosto de Novembro, pelo nome, pela antecipação do Natal, essas coisas... ;)

Diana said...

Outubro é feio. E tu es poeta!
Gostei do texto...
Beijo

Mia said...
This comment has been removed by the author.
Mia said...

wow diana, brigado :D
e tu és fixe! lol